O remédio amargo para boca, mais doce para o ventre

   “Todos vigiam a todos, para que ninguém faça, aquilo que todos gostariam de fazer. Somos todos carcereiros e prisioneiros.” José Ângelo Gaiarsa

Anúncios
Esse post foi publicado em Religião e marcado , . Guardar link permanente.